Fale Conosco pelo MSN ou Skype

 19 DE DEZEMBRO DE 2014

Email
HOME
Capacitação
Consultoria
PESQUISAS
NOTÍCIAS
Editorial
Destaques
Artigos / Entrevistas
Logística
Trânsito
Multimodalidade
Empresas
Comex - Mundo
Economia
Mercosul / Cone Sul
Tecnologia
Política
Legislação
Eventos e Cursos
Agência Intelog
ASSINE GRÁTIS
TODAS EDIÇÕES
INTELOG WIDGET
INTELOG TICKER
RSS
Entre em Contato
Tornar página inicial
Adicionar aos favoritos
Mapa do Portal
Recomendar
Imprimir esta página
Translate This Page

  Tempo



 

  Ferramentas

Calcule o tempo e as rotas para sua viagem
Show My Street - Passeio virtual pelas ruas do mundo
Flightradar 24 - Tráfego Aéreo em Tempo Real
Dados e Informações de Todos os Países do Mundo - IBGE
Veja a hora em tempo real no mundo todo - TimeTicker.com
Leia jornais de todo o planeta - Newseum.org

  18/12/2014   Agergs aprova, mas EPTC barra nova linha do catamarã em Porto Alegre - Agência avaliou apenas o transporte metropolitano de Guaíba à Zona...     18/12/2014   Movimento no maior aeroporto de MT deve aumentar 12% no fim de ano - Cerca de 300 mil pessoas devem passar pelo aeroporto até 15 de janei...     18/12/2014   Passagem de trem Vitória a Minas fica mais cara em 2015 - Classe econômica passará de R$ 58 a R$ 62. Já classe executiva passará de R$ 91...     18/12/2014   Insegurança alimentar caminha junto com falta de acesso a saneamento - RIO - Quanto mais intensa a situação de insegurança alimentar e...     18/12/2014   Custos de energia serão repassados para tarifas em 2015, prevê Abradee - BRASÍLIA - O presidente da Associação Brasileira de Distribuid...     18/12/2014   Atraso de repasses do Tesouro a distribuidoras chega a R$ 2,1 bi - SÃO PAULO - O presidente da Associação Brasileira de Distribuidores ...     18/12/2014   Itavema tira o foco das marcas populares - Um dos três maiores revendedores de automóveis do país, com faturamento estimado em R$ 2,5 bil...     18/12/2014   Britânica Chariot busca parceiro no país - A petroleira independente britânica Chariot Oil & Gas está reduzindo investimentos em exploraç...     18/12/2014   Recuperação da Eneva pode passar por capitalização - A Eneva (antiga MPX) avalia propor uma nova capitalização como solução para o seu pl...     18/12/2014   Expectativa de alta na TJLP preocupa concessionárias - A sinalização do governo de que o Conselho Monetário Nacional (CMN) deve aumentar,...  
Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Clique para ampliar

10/02/2011

Habilitação gratuita para 15 mil pessoas

Economia

Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Nota

10

1 votos

O Programa CNH Popular, que garante carteiras nacionais de habilitação gratuitamente para a população de baixa renda, oferece mais oportunidades este ano. Serão 15 mil vagas, mil a mais que em 2010, e o tempo mínimo de desemprego exigido dos candidatos caiu de dois para um ano.

As inscrições, abertas desde ontem, devem ser feitas exclusivamente pelo site do Detran-PE (www.detran.pe.gov.br), e seguem até o próximo dia 28. Outra mudança focada em ampliar o alcance social do programa é a redução da renda familiar mensal do candidato desempregado, que era de até dois salários mínimos e este ano será de até três salários.

E, ainda, a criação de um novo segmento: pessoas empregadas com renda mensal de até dois salários mínimos. Nos três anos do CNH Popular só participavam desempregados. Este ano, o programa também prioriza a mudança de categoria e não a primeira habilitação, como nas edições anteriores.

Há, ainda, a inclusão do procedimento de adição de categoria, permitido que os condutores exerçam atividade remunerada. A adição é permitida nas categorias A e B. “Estamos atentos à evolução da economia no Estado. Por isso, a necessidade de abrir mais vagas para a mudança de categoria. Dessa forma podemos atender à demanda de motoristas que precisam dirigir veículos pesados e os que atuam como motoboys, por exemplo”, argumentou o secretário das Cidades, Danilo Cabral.

Das 15 mil vagas disponíveis, 60% são para mudança de categoria (o equivalente a 9 mil vagas), 20% para adição de categoria (3 mil vagas) e 20% para primeira habilitação. As vagas estão divididas igualmente entre o Grande Recife e o interior. O investimento do governo do Estado é de R$ 9 milhões.

Além dos desempregados e dos trabalhadores que ganham até dois salários mínimos, podem participar ex-presidiários, beneficiários dos programas Bolsa Família e Chapéu de Palha e alunos da rede pública de ensino. Tirar uma habilitação atualmente custa de R$ 600 a R$ 1.200.

Os inscritos para primeira habilitação devem ser maiores de 18 anos, saber ler e escrever, possuir documento de identidade e CPF, comprovar morar em Pernambuco e não estar judicialmente impedido de tirar a CNH.

Os que querem mudar de categoria, que desejam se habilitar na categoria C, já devem estar habilitados na categoria B há, no mínimo, um ano, não ter cometido infração de natureza grave ou gravíssima nem ser reincidente em infração média nos últimos 12 meses.

Para habilitação na categoria D é exigido que os candidatos sejam maiores de 21 anos, habilitados na categoria B há dois anos ou na categoria C há um ano, e não ter cometido as infrações citadas anteriormente. Já para quem deseja a mudança para categoria E deve ter um ano na C ou na D, possuir mais de 21 anos e não ter praticado infrações graves ou gravíssimas.

 

Por Jornal do Commercio - PE

 

Qual a sua avaliação?

1 Comentários - Faça o seu comentário

Voltar

Recomendar   Imprimir

Clique para ampliar

Leia Também

Atraso de repasses do Tesouro a distribuidoras chega a R$ 2,1 bi

Expectativa de alta na TJLP preocupa concessionárias

Gasolina pesa, mas IPCA-15 não deve furar meta

Arpe libera reajuste de 6,56% no pedágio da rodovia PE-09

Mais da metade das motos vendidas sai por consórcio, diz associação

Agergs aprova, mas EPTC barra nova linha do catamarã em Porto Alegre

Movimento no maior aeroporto de MT deve aumentar 12% no fim de ano

Passagem de trem Vitória a Minas fica mais cara em 2015

Insegurança alimentar caminha junto com falta de acesso a saneamento

Custos de energia serão repassados para tarifas em 2015, prevê Abradee

Mais...

 

Este site possui suporte ao formato RSS



Notícias em Tempo Real

   

Federasul

Google
Pesquisa personalizada

       

 Powered by CIS Manager - Desenvolvido por Construtiva

Intelog - Inteligência em Gestão Logística